Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Venda da Dataprev e do Serpro colocam em risco privacidade dos brasileiros

  Riscos para a soberania do país, para a segurança dos dados de todos os brasileiros e brasileiras e até de criação de taxas para serviços que hoje são gratuitos, a privatização da  Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) e do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), faz parte dos planos do governo entreguista de Jair Bolsonaro (ex-PSL) desde 2019. Se essas estatais forem privatizadas, os dados financeiros, profissionais e sociais de quase todos os brasileiros e de empresas nacionais, que hoje estão protegidos no banco de dados das duas empresas, poderão ser cruzados com dados comportamentais disponíveis na Internet sobre os brasileiros para atender aos interesses do capital privado. “Nenhum pais do mundo entregou seus dados à iniciativa privada”, afirma Socorro Lago, Secretária da Mulher Trabalhadora da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Processamento de Dados, Serviços de Informática e Similares (Fenadados), que alerta sobre os risco

Últimas postagens

Arthur Lira critica abertura de CPI da Covid: 'não é momento de apontar o dedo'

TRABALHO EM DIAS FERIADOS ANTECIPADOS

SITUAÇÕES EQUIPARADAS A ACIDENTE DO TRABALHO

DANO MORAL - ASSÉDIO MORAL - ASSÉDIO SEXUAL NO TRABALHO